Panela Audiovisual - Produção de vídeo, vídeos capixabas, cultura capixaba, cinema, espírito santo

NOTÍCIAS


17 de março 2016

Cine Rap 3: Sessão de premiação neste sábado (19), em Jardim Colorado

Produção audiovisual de nicho ganha espaço em evento dedicado ao videoclipe.

 

Um nicho do cenário audiovisual local cresce a cada produção. É o videoclipe. O gênero, cujo experimentalismo é tão presente quanto no vídeo arte, é ignorado ou não recebe tanta importância nos tradicionais festivais de cinema do Espírito Santo. Em particular, um subgênero segue com a sua terceira mostra circulando por diferentes bairros de Vila Velha, o Cine Rap 3. 

 

Um telão com cinco metros de largura por quatro de altura exibe 26 vídeos produzidos por diretores locais ou com trilha sonora de grupos de rap capixaba. Essas obras já circularam por Vila Garrido (27/2), Riviera da Barra (5/3) e Cobilândia (12/3), sendo exibidas para um público variado – mulheres, homens, crianças, adultos e idosos – e que, geralmente, não tem contato com a mensagem positiva da cultura hip-hop, ainda mais por meio do audiovisual. 

 

As produções do Cine Rap 3 estão disponíveis também para visualização online pelo site www.panela.tv/cinerap, endereço onde o são realizadas as votações online para o prêmio de Melhor Vídeo Júri Popular. O voto nesse suporte vai até esta sexta-feira (18). 

 

O vencedor será conhecidos na sessão do próximo sábado (19), a partir das 19h, com entrada franca, na praça Central de Jardim Colorado. Além da exibição dos 26 vídeos que circulam na mostra itinerante e competitiva do Cine Rap 3, o público vai conferir a performance ao vivo de Aliado Jota, Suspeitos na Mira e Família Gam. 

 

Confira os vídeos que estão na mostra competitiva do Cine Rap 3: 

 

• “Apartando Brigas”, Mano Feijó part. MC Adikto; direção Judeu Marcum;

• “Baseado em Fatos”, Bocaum e DJ LdFli; direção Danilo Laslo; 

• “Cada Sol”, TH Rap; direção TH Rap e Felipe Neves;

• “Céticos”, Lekão; direção Diego Capeletti;

• “Culpa da Lei”, EmiciThug; direção Sara Pavani e Juliana Gama;

• “Convoca”, Suspeitos na Mira; direção Bruno Miranda;

• “Contando as Horas”, Conteúdo Paralelo part. DJ LD Fli; direção Fredone e Ren;

• “Cria da City”, Taig; direção Taig;

• “Desce a Favela”, Preta Roots; direção Danilo Laslo;

• “Escolhas”, Tiago Set; direção Judeu Marcum;

• “Falsa Paz”, EmiciThug; direção Paulo Henrique;

• “Galeria de Grafite”, direção Marcelo N. Reis; 

• “Hora do Show”, Conteúdo Paralelo; direção Fredone e Ren;

• “Instinto Primitivo”, Fora do Padrão; direção Judeu Marcum;

• “Nosso Lar”, Conteúdo Paralelo; direção Fredone e Renato Ren;

• “Pônei Branco”, grupo Orobó; direção Marcelo N. Reis;

• “Po es ia”, Ronaldinho MC; direção Jairo Santos; 

• “Relato”, Dogma MCs; direção Murilo Macaco;

•  “Se Essa Rua”, Faith Rap; direção Matheus de Oliveira;

• “Soul da Vila”, In-Versão Brasileira; direção Júnior Silva;

• “Todo o Tempo”, Nero e Ficore; direção Judeu Marcum;

• “Ucaminhodubem”, Família Gam; direção Fábio Moraes;

• “Uns Tenta Ação”, Fora do Padrão; direção Judeu Marcum;

•  “Violência”, Preta Roots; direção Jairo Santo;

• “X Barras”, Adikto; direção Judeu Marcum;

• “Karma”, Fora do Padrão; direção Judeu Marcum. 

 

Além do Júri Popular, as obras ainda estão concorrendo ao prêmio de Melhor Vídeo na categoria Júri Técnico. Os vencedores levam o troféu Panela Audiovisual e R$ 500 cada.


O Júri Técnico é formado por profissionais com formação e prática audiovisual reconhecida pelo mercado, que vão julgar o viés técnico das produções, como direção de fotografia, montagem, roteiro e inovação da linguagem. Luiz Eduardo Neves é jornalista, publicitário, diretor audiovisual e produtor cultural. Suellen Vasconcelos Sacramento é editora de Imagens e videomaker, formada em Comunicação Social/Rádio e TV, mestre em Educação e professora do curso de RTV do CEET Vasco Coutinho. E Marcos Valério Guimarães é cineclubista, diretor, montador cinematográfico e instrutor de projetos de cinema-educação.

 

A mostra também vai reconhecer o discurso inserido nas letras das composições e nos roteiros dos vídeos. São os prêmios Consciência Social e Consciência Política, que também levam o troféu Panela Audiovisual.  

 

Última Sessão (Premiação) – Cine Rap 3:

19/3 (Sábado), 19h, Praça Central de Jardim Colorado

Entrada: Franca

Exibição de 26 vídeos de rap capixaba

Shows: Aliado Jota, Suspeitos na Mira e Família Gam



COMENTE ESTA NOTÍCIA

Enviar Comentário








Todos os direitos reservados. Copyright 2011. Panela Audiovisual é um projeto sem fins lucrativos.

O Projeto  |  Inscreva-se  |  Expediente  |  Notícias  |  Fale Conosco


Redes sociais Perfil Facebook Panela Audiovisual Twitter Panela Audiovisual Orkut Panela Audiovisual

Apoio
  • TVE - Espírito Santo
  • Associação brasileira de documentaristas e curtas metragistas do espírito santo
Patrocinio
  • Fulcultura - Governo do Espírito Santo